Siga-nos nas redes sociais

Efectue um pedido de assistência (PAT) Efectue pedido de acesso remoto (Apenas Clientes)

Novas obrigatoriedades da AT | Evite multas com o SAFT 1.04

Em junho clarificámos em que consistiam as novas obrigatoriedades da AT, mas como nos apercebemos que algumas empresas têm sido prejudicadas devido ao desconhecimento das novas regras, queremos alertar para necessidade de atualização dos sofwares que possuem, nomeadamente o SAFT 1.04.

SAFT 1.04

Recomendamos que os nossos parceiros mantenham sempre o software atualizado, pois existem permanentemente otimizações de programas, novas funcionalidades e com essas atualizações cumprem-se garantidamente as obrigatoriedades definidas pela lei.

A lei obriga, desde julho, a que as empresas submetam o SAFT à AT utilizando a última versão, o SAFT 1.04, pois vai encontro das últimas obrigatoriedades definidas e estabelecidas.

Alertamos que a falta de cumprimento poderá implicar o pagamento de coima e, para ajudar os nossos parceiros, relembramos que pode fazer esta alteração no software entrando em contacto connosco através do formulário abaixo ou dos contactos habituais.

Confira o esclarecimento oficial da AT e tire as suas dúvidas. Reforçamos a necessidade de o parceiro informar o cliente da penalização a que pode estar sujeito se não obtiver SAFT 1.04.

 


Comunicação oficial da AT sobre o SAFT 1.04:

“Informa-se que o SAF-T (PT) é um ficheiro anual de auditoria a ser entregue aos serviços IT sempre que solicitado. A versão 1.04_01 que entrará em vigor a 2017-07-01, resultante da publicação da Portaria n.º 302/2016, de 02/12, aplica-se exclusivamente aos registos produzidos a partir dessa data. Esclarece-se que não existe objeção a que se utilize esta versão na exportação dos registos produzidos em períodos fiscais anteriores.

A versão 1.03_01 do SAF-T (PT) encontrar-se-á revogada a 2017-07-01. Quem não atualizar a sua aplicação de Facturação ou contabilidade encontrar-se-á em infração sendo alvo de coima. A 1ª comunicação da Facturação com esta nova versão deve ser a relativa aos registos do mês de Julho que se realizará até ao dia 20 do mês de Agosto.”


 

Face ao exposto, aconselhamos vivamente a quem submeteu o seu SAF-T referente ao mês de Julho através de qualquer portaria que não a 1.04 a efetuar a substituição do ficheiro SAF-T enviado, submetendo um novo ficheiro através da portaria 1.04. Relembramos que as coimas previstas para os sujeitos passivos que não cumpram esta lei vão de 200.00€ a 10.000€.

Sabia que…

  • Pode integrar na sua contabilidade as vendas provenientes do ficheiro SAFT?
  • Pode enviar todos os ficheiros SAFT, de todas as empresas, de uma vez só, obtendo o respetivo comprovativo de envio? (Serviço E-Saft, exclusivo Samsys)
  • Consegue recuperar faturas perdidas, em caso de desastre para o seu software de gestão, através desta funcionalidade?
  • Consegue trocar de software a partir do ficheiro SAFT?
  • De forma mais fácil e intuitiva pode inserir no seu software clientes, artigos e fornecedores?

 

por: Samsys Portugal